• webmail
  • Acesso restrito
teste-olhinho

Teste do Olhinho

Exame Oftalmológico e Teste do Olhinho

O teste do olhinho é feito pelo pediatra assim que o bebê nasce. É um importante exame de triagem, pois se for detectado alguma anormalidade, ele encaminha para o oftalmologista realizar outros exames.

O exame oftalmológico inclui uma consulta onde o oftalmologista pergunta sobre o histórico de doenças da família, sobre a gestação e parto e a saúde atual do bebê, podendo assim diagnosticar e prevenir doenças que podem afetar a visão.

É um exame simples, rápido e indolor, que consiste na identificação de um reflexo vermelho, que aparece quando um feixe de luz ilumina o olho do bebê. O fenômeno é semelhante ao observado nas fotografias.

Para que este reflexo possa ser visto, é necessário que o eixo óptico esteja livre, isto é, sem nenhum obstáculo à entrada e à saída de luz pela pupila. Isso significa que a criança não tem nenhum obstáculo ao desenvolvimento da sua visão.

O Exame

Durante o exame o oftalmologista pinga um colírio diluído ou numa dose preparada para bebês. O objetivo é dilatar a pupila (menina dos olhos) para que ele possa examinar o fundo de olho.

Este contém estruturas importantes para a visão e pode ser afetados por doenças já ao nascimento. O colírio pode provocar desconforto na hora em que se pinga, mas é passageiro.

Muitos pais perguntam sobre a cor dos olhos. Mas precisamos esperar um pouco o crescimento do bebê, pois fatores genéticos podem interferir na cor dos olhos.

Nos primeiros meses o bebê enxerga vultos porque seu olhinho ainda está se formando e por volta do sexto mês ele já tem uma visão parecida com a do adulto.

Por que?

A criança não nasce sabendo enxergar, ela vai aprender assim como aprenderá a sorrir, falar, engatinhar e andar. Para isso, as estruturas do olho precisam estar normais, principalmente as que são transparentes.

olhinho2
olhinho3

Dicas

A mamãe e o papai podem observar as fotografias de seu filho. Se em vez do reflexo vermelho que fica nos olhos aparecer uma mancha branca, procure um oftalmologista.

A catarata não é um problema só de idoso, não. A catarata congênita é uma patologia presente ao nascimento e uma em cada cem crianças nascidas apresenta essa alteração.